ESQUEÇAM O CARMA

Nara (Órion)
Através de Maria Silvia P. Orlovas
21/06/2017

Meus amados, quando há milhares de anos atrás nós viemos para a terra, nós viemos por amor, pela aventura do amor, pela criação do amor.

Nós, eu e vocês estávamos juntos, um grande grupo de almas veio para esse planeta. Para semear a vida e para participar de uma grande experiência evolutiva e aqui fomos ficando, pelo fruto da própria experiência, pela necessidade da própria experiência e assim foi feito até que perdemos a memória de quem realmente somos.

Até que perdemos a conexão mais profunda com a nossa identidade divina espiritual.

Nós nos misturamos tanto com a terra que nos tornamos terra.

Nos tornamos terráqueos, mas não somos.

A nossa alma não tem esse pertencimento, somos como uma abelha que visita a flor e dela faz o mel. Estamos misturados nessa energia, nós temos as nossas asas e as nossas patas, para trabalhar e criar um novo favo de mel, visitando outras flores.

Essa é a visão libertadora do carma.

Você não é o seu carma, o seu carma não é você.

Ele é parte de uma experiência maior.

E é hora de sublimar situações cármicas através da consciência do amor.

Você, libertando a si mesmo.

Compreendendo que as experiências, são experiências, dissociando o seu poder pessoal das experiências.

Esse pensamento é altamente libertador.

Você vive a experiência, mas você não é a experiência.

Você vive o drama, mas você não é o drama.

E todo ser humano é capaz de pensar assim.

Se distanciem do sofrimento olhando para ele.

Pense que aquilo também está na sua vida, mas ele não é o seu alento divino, ele não é a sua respiração, ele não é você.

O sofrimento é maior quando há com ele a identificação.

Quando você consegue se distanciar, você se liberta.

E foi assim, por amor, que nos tempos muito antigos entidades muito evoluídas vieram à Terra ajudar os primeiros experimentos científicos, nesse momento muitas almas já estavam completamente imersas no processo reencarnatório.

O corpo denso trouxe àqueles que viviam apenas no plano espiritual sentimentos e impressões muito fortes. O corpo físico trouxe dor e prazer em extremos muito intensos, extremos que não são sentidos no plano extrafísico.

O corpo pode experimentar uma incrível dor e um incrível prazer. E muitos espíritos ficaram tão envolvidos com esta experiência que se distanciaram da consciência luminosa.

E, neste momento, entidades cósmicas altamente evoluídas se apresentaram para cuidar da humanidade, ainda tão ingênua, e uma dessas entidades identificadas com o papel da grande mãe se chama Maya e ela diz assim:

Eu Sou Maya, eu sou também a ilusão e venho com meu manto proteger as pessoas para que elas possam se esquecer.

Maya também é a mãe.

E aqui nos seus véus ela permaneceu na Terra. Para que nós, para que as pessoas encarnadas pudessem se esquecer que são a carne e se lembrar que são espíritos.

Para que cada um de vocês, que ouve essa mensagem, pudessem se esquecer dos problemas que carregam em suas casas, com seus filhos, com seus pais, com aquilo que tem e com aquilo que não tem.

Maya os abraça todas as noites para que você possa dormir e não se lembrar daquilo que o incomoda.

Maya o abraça em cada novo encontro para que você não lembre do carma que já viveu com essa pessoa, ou com esta situação, nesta ou em outras vidas.

Maya o abraça para lhe dar a oportunidade de ter pensamentos que você acha que são seus, novos olhos, novos ouvidos, novas ideias.

Maya permite que você esqueça da sua própria incapacidade.

E quando ela vem e o abraça, ela permite que você seja capaz de coisas incríveis. Quando ela coloca uma nuvem na sua mente, ela permite que você esqueça , que você apague de si mesmo limitações.

Maya, a grande ilusão, também é a mãe de um profundo amor, uma energia de profunda gratidão.

E assim nós fomos abençoados no planeta, com seres espirituais elevadíssimos e cada um trouxe a sua benção, o seu carinho, a sua página em branco para que você, para mim, para que nós pudéssemos escrever e reescrever, quando necessário, a nossa história e a nossa caminhada.

Assim meus irmãos, esqueçam o carma, esqueçam para que ele possa se dissolver.

Esqueçam que foram magoados por alguém, esqueçam que foram a abandonados por alguém, esqueçam que foram roubados, traídos, esqueçam o sofrimento.

Não ocupem os seus maravilhosos neurônios contaminado seus pensamentos, suas ideias com limitações.

Acolham em cada noite o abraço de Maya, para que vocês possam dormir acolhidos no colo da grande mãe.

Acolham o carinho e a perfeição que existe no esquecimento.

Meus amados, Maya também é a mãe.

Eu Sou Nara, eu sou de Órion e a nossa missão é a missão do resgate das almas que estão no processo de ascensão.

Ascensão meus amados, meus irmãos, é libertação.

Libertação das suas angustias, libertação dos seus apegos, libertação das suas dores.

E nós sabemos que vocês podem fazer esses movimentos, nós sabemos que vocês podem oferecer a si mesmos essas curas.

Estamos aqui no plano astral com as nossas naves de luz, trazendo curas ideias libertadoras e muita transformação .

Operamos no planeta através de pessoas sensitivas que estão com a mente aberta e o coração conectado com a cura, a doação e o amor.

Podemos estar com cada um de vocês quando vocês quiserem estar conosco.

O momento desse despertar é agora e cada um de vocês que aqui está na nossa sintonia, na nossa vibração, foi chamado, escolhido, convidado por nós.

Recebam a nossa emanação de luz e de amor e vivam esquecidos do carma caminhando leve e em paz.

NARA

Por favor, respeite os créditos ao compartilhar
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – http://www.decoracaoacoracao.blog.br
DE CORAÇÃO A CORAÇÃO – https://lecocq.wordpress.com
mariasilviaorlovas.com.br

LUZ!
STELA

Anúncios