MUDANDO OS PADRÕES NEURAIS

MUDANDO OS PADRÕES NEURAIS
Mensagem de P´taah
22 de Maio de 2018

Questionadora: Eu tenho uma pergunta. Quando você diz “mudar os padrões neurais” e “os padrões do cérebro” também, acho que estou começando a entender que, quando temos emoção, ela libera certas substâncias químicas dentro de nossos corpos. E, muitas vezes, o que acontece é que somos viciados nas emoções que mais frequentemente temos. Em outras palavras, nós realmente adquirimos o hábito e ficamos viciados em estarmos deprimidos ou sermos uma vítima, com a sensação de ser uma vítima.

P’taah: Isso está correto. Então, como você muda o vício?

Questionador: Bem, esta é uma pergunta muito boa para alguém que esteve tentando fazer ou que fez isso. (Risos) Você o substitui por outra coisa ou se afasta dele, é o que você tem que fazer.

P’taah: Você só muda quando não continua no hábito. É mais importante do que continuar.

Q1: Sim.

P’taah: Você entende?

QuestionadorSim, entendo.

P’taah: Então, quando você vê que há um padrão, seja um tipo físico de vício ou um vício em um padrão comportamental criado a partir da repetição emocional, então, à medida que você identifica esse padrão, você olha para sua vida e diz “Você sabe, aqui estou eu novamente, apenas saindo de outro relacionamento abusivo”, e todos os antigos sentimentos de indignidade, inadequação, impotência, vitimização, etc., vêm à tona. Em algum momento, esperamos que você diga: “Chega. Já tive o suficiente”, e a urgência do desejo de mudança transcende o vício do antigo padrão.

Questionadora: Hummm. Eu pensei que era algo a ver com a mudança de foco.

P’taah: Bem, claro que é. O foco não é, então, repetir o antigo padrão. O foco então se torna uma mudança, tanto quanto, isso possa ser.

Questionadora: Sim.

P’taah: Você pode dizer: “Bem, a primeira coisa que irei fazer é ser independente. O que posso fazer para criar isso, para dar o primeiro passo para ser independente?” Pode ser que você procure um emprego. Que você procure por uma nova casa. Que você procure por algo que mostre a maior parte de você e do universo em que você está, pronto e disponível para mudança e transformação.

Você sabe, que quando você faz isso, na verdade, a mudança do padrão não se torna nada difícil. É quando você está preso no antigo padrão dizendo: “Eu deveria mudá-lo” ou “eu preciso mudar”. “Sim, vou parar de fazer isso no próximo ano, ou irei parar de fazer isso na próxima semana.” É sempre chamado de “tentar”, mas “tentar” não é uma confissão comprometida com a transformação. Isso faz sentido?

QuestionadoraSim.

Questionadora: Eu ouço exatamente o que você está dizendo e, por exemplo, eu gostaria muito de perder 5 quilos.

P’taah: Amada, quando perder 5 quilos for realmente a coisa mais importante em sua vida, é claro que você fará isso. Enquanto isto você está dizendo: “Sim, de fato, eu ficaria muito bonita se eu perdesse 5 quilos, mas você sabe, enquanto isso, eu irei apenas comer este bolo de creme”.

Questionadora: Sim. (risos)

Questionadora: Você disse que você é realmente o que faz parte, porque eu sei de alguma forma, que isto poderia ser fácil, e no entanto, eu faço muito disto.

P’taah: Por que você gosta de tudo isto.

Questionadora: Sim, gosto.

P’taah: Você não gosta?

Questionadora: Sim, gosto. Eu amo chocolate.

P’taah: Mas você também gosta desta ideia: “Oh, eu devo perder estes 5 quilos”.

Questionadora: Sim. Eu não entendo também porque eu sei que você está certo, mas não o percebo.

P’taah: Se você quisesse realmente perder 5 quilos, você os perderia. Nada poderia detê-la.

Questionador 1Novamente, no nível consciente, ela não gosta da situação, então, o que está acontecendo aqui?

P’taah: Mas isto não é nem aqui e nem ali. Não é uma ameaça à vida. Não é realmente. Não faz qualquer diferença para a sua vida – 5 quilos ou não. Se isto acontecesse, você faria alguma coisa. Quais são os sentimentos produzidos, amada, quando você contempla a ideia de estar acima do peso?

Questionadora: Bem, eu sei que não gosto disto e é incômodo e acho que não é muito atraente. Sei que é verdade, mas em que ponto isto será o suficiente para me fazer mudar?

P’taah: Bem, você sabe, amada, nós diríamos a você, se você tivesse um grande choque e isto fosse uma ameaça a sua vida, você perderia imediatamente o peso. Você perderia imediatamente. Mas não é uma ameaça e é fácil continuar com o mesmo hábito.. O mesmo ocorre quando você fuma, o mesmo quando você bebe, o mesmo quando você come demais, o mesmo quando você é viciada em relacionamentos abusivos.

Questionadora: Hum.

P’taah: Pelo menos você mudou isto, amada.

Questionadora: Sim, e o fumo e a bebida. Agora é apenas o peso.

Questionador: Sim, um vício de cada vez

Continua no próximo mês

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
Formatação – DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
www.Ptaah.com
Tradução: Regina Drumond – reginamadrumond@yahoo.com.br
Grata Regina!

LUZ!
STELA

Anúncios