O UNIVERSO DIZ APENAS SIM!

Por Ramina El Shadai

Conversando com uma pessoa sobre o fluxo do Universo, ela disse: “Ramina, como é difícil

explicar pras pessoas que não estão vibrando nessa sintonia, o que é fluxo? Eu estou até afastando de algumas pessoas pra não ter que compartilhar de tantas reclamações da vida dessa gente.”

Quando você começar a achar difícil essa comunicação é só você ter consciência que estão utilizando códigos de linguagem diferentes. Tudo que é ativado pelo coração é compreendido pela mente.

Nada disso tem como ser entendido, justificado, analisado… só existe uma forma de compreensão numa comunicação entre essências, que é sentir e deixar tudo isso acontecer na sua vida. É reconhecimento. Uma percepção mais integral. Uma percepção da sustentação, do propósito e não a tentativa de se compreender algo. Talvez então não seja possível explicar o fluxo, nessa velha forma de explicar tudo.

A expansão da nossa consciência é totalmente “agora”, totalmente “presente”. E tudo que não é consciência, ou se sustenta de passado, ou se sustenta de futuro. Então não há como existir comunicação quando você deixa sua alma expressar para que alguém possa entender através de todos os conceitos que aprendeu durante a vida. Simples assim.

Não precisamos nos irritar com as pessoas que ainda não reconheceram a profundidade do seu ser. Talvez aconteça realmente um afastamento inicial por não haver troca, mas quando somos luz, somos luz em qualquer lugar e nada nos importa. E esse afastamento acontece a princípio, porque você acredita que se afastando, vai aliviar a irritação.

Mas se há esse tipo de relacionamento é porque há sintonia ainda.

E essa irritação não está na relação, mas em você.

Quanto mais você se integra à luz, menos relações incomodativas se fazem pra você. E quanto mais se integra à luz, mais enxerga tudo de um novo lugar também. Então, pensar em se afastar ou não é algo muito temporário, porque não há necessidade desse planejamento todo.

Estamos criando a nossa realidade. Sempre criamos a nossa realidade. Só que quando temos consciência disso, sabemos exatamente o que está sendo produzido e reconhecemos claramente tudo que chega pra nós. Não esperamos nada, especificamente, porque não limitamos mais nossas possibilidades, mas estamos abertos pra tudo que chega porque confiamos na frequência que vibramos.

Há um tempo atrás, num estado de consciência pleno de gratidão, eu ouvi do meu coração: O UNIVERSO SÓ SABE DIZER SIM…. O tempo todo! Então, o que você movimenta dentro de você, os seus sentimentos, as suas crenças, sua relação com as possibilidades, seu nível de percepção, o seu grau de confiança… isso tudo é energia que está vibrando em você…. e pra cada momento, pra cada vibração, o Universo diz SIM!

Isso é criar!

O que sai de você, com certeza, é o que vai se transformar em experiência de vida!

Então, mesmo que você tenha dificuldades em compreender como funciona o fluxo do Universo, como a gente se entrega a esse fluxo e integra esse fluxo na nossa vida, você precisa reconhecer tudo que vibra internamente em você, a cada agora da sua existência. Isso é o mais importante.

O que se passa dentro de você, agora!?

Estado de plena gratidão, de se sentir em abundância na sua essência, sem que haja motivo para isso?

Ou você se encontra com medo de algo que possa acontecer, futuramente, ou triste por algo que já aconteceu, ou preocupado com algo que está aparentemente faltando a você…

Ontem eu estava dando uma espiadinha nas redes sociais, e eu vi uma frase que dizia assim: VOCÊ JÁ AGRADECEU HOJE? E me chamou a atenção essa espécie de obrigatoriedade do agradecimento que é completamente diferente de gratidão.

E comecei a deixar vir o que comanda, o que cria os nossos agradecimentos. Não o conceito da palavra, mas o que envolve tudo isso… porque APRENDEMOS a agradecer, então, com certeza, muitas crenças estariam ali. E comecei a perceber que pra você se sentir agradecido, você realmente precisa acreditar que algo foi bom.

Tudo passa por aí: Que superou alguma ausência, que ultrapassou algum limite, que conquistou um sonho, que recebeu algo, ou que teve condições de realizar algo… sempre conseguimos justificar o nosso agradecimento. Nos enchemos de motivos para agradecer e cumprir mais um critério das velhas condições de uma pessoa “espiritualizada” ou reconhecida pela ética padrão.

Veja: não estou questionando o fato de agradecermos tanto, estou trazendo para você uma oportunidade de refletir sobre as tantas crenças que nos fizeram agradecer, desde que falamos as primeiras palavras.

Qual crença sustenta cada agradecimento? Qual justificativa? Qual pensamento te faz acreditar que tem que ser desse jeito?

E isso é completamente diferente daquele estado de consciência que você encontra quando começa a sentir uma alma em expansão. É natural. Está aí… apenas acontece sem você precisar pensar sobre isso ou fazer qualquer coisa para se sentir assim.

O sentimento de agradecimento é reativo a acontecimentos. O sentimento da gratidão está inteiro num lugar de você que não se altera de acordo com os fatos. É muito profundo.

O que se passa dentro de você agora? É isso que você vibra. É pra isso que o Universo diz SIM, nesse momento. Se é isso que sai, é essa mesma vibração que se manifesta!

Quando consideramos nossa plenitude, criamos realidades plenas, quando consideramos que nossa vida não vale a pena, que nossa vida não tem alegria, criamos uma realidade sem vida também. Vivemos exatamente o que alimentamos dentro de nós.

O UNIVERSO ESTÁ A NOSSO SERVIÇO.

O Universo diz SIM pra nós o tempo todo. E quando dizemos sim também, e elevamos nossa frequência de vibração, vibramos na mesma sintonia do Universo.

Que Universo é esse mesmo? Ele está lá do lado de fora? Claro que não! Por isso a manifestação. Nós somos o próprio Universo. Nós somos a co-criação. Agora, o que consideramos de nós que é a nossa ferramenta. Se usamos um “nós” raso, condicional… ou se usamos um “nós” pleno na nossa existência. Um “nós” mais em unidade.

Estamos recebendo muita energia de transformação. Estamos nos transformando! Passando a ser o que verdadeiramente somos. Então, ficamos atentos, pois já somos presença amorosa em nossa vida, aceitamos nosso agora, confiamos no proposito do que está acontecendo e nos entregamos a todas as mudanças.

O próprio Universo se encarrega de desfazer velhos conceitos, velhos limites e de colocar na nossa frente todas as novas possibilidades. Quando estamos sintonizados com todos esses SIM, reconhecemos oportunidades em tudo. E não sofremos mais. Simplesmente porque confiamos.

Tudo que nos limita precisa ser reconhecido e liberado para que a gente possa viver todas as novas experiencias em plena liberdade e expressão da nossa alma.

O Universo atende tudo que você expande em você. O Universo se encarrega de manifestar todas as suas escolhas. Saiba que mesmo tendo consciência de que está num espaço que não vibra na mesma sintonia que você, é importante manter em elevadas frequências para que todos os rompimentos aconteçam naturalmente, também em frequências elevadas. Pois a vibração que movimentamos é uma escolha nossa.

O Universo diz SIM para você a todo momento. O Universo está a seu favor e quer realizar tudo que está dentro de você. Então, estamos aqui para que você conheça quem você é, internamente. O potencial de transformação que é você. O potencial de amor que há em você.

Permita que todo seu potencial realmente aconteça, para que você e o Universo que é você possam dizer SIM JUNTOS. Esse é o fluxo do amor!

Um intenso abraço!

EU SOU RAMINA EL SHADAI

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
Formatação – DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
Conexão multidimensional – @ramina.despertar
Grata Ramina!

LUZ!
STELA

Anúncios