1 MÊS PARA ‘DATA LIMITE’

•AarayA — O Mensageiro Siriano
Através de Dinnho Beduzupo
20.06.2019

Amadas Almas, Saudações!

Chegamos à marca da linha do tempo linear terrana em que resta um ( 1 ) mês para o prazo estipulado pelo Conselho Cósmico, do qual Sananda (Jesus) faz parte, e determinaram para que a humanidade buscasse outras formas de lidar com suas diferenças sem guerras de grande escala. E como estão as coisas?

Falemos um pouco disso, então. [sorriso]

Antes de mais nada, esse “acordo” realmente existiu?

Sim, existiu, e não foi fácil fechá-lo pois que o rumo que os terranos tomavam até então era o da auto-destruição, e isso em escalas que comprometeriam não apenas o que se conhece de Gaia como o que ainda está oculto em seu interior e além.

A essência do planeta manifestou-se para consciências mais elevadas do Conselho que trouxeram o caso para explanação e debates entre seus membros.

Estávamos presentes e igualmente preocupados como as coisas estavam sendo vistas, pois a Fé nos buscadores se esvaia progressivamente diante de sua inabilidade no trato de todas as coisas.

Foi uma reunião tensa como naturalmente seria qualquer reunião cuja extinção de toda uma espécie estava para ser concluída, através do livre-arbítrio do Homem insubordinado, materialista e centralizador de poder.

É imperativo dizer que a própria ideia da moratória espiritual proposta por Sananda foi exaustivamente discutida para que o acordo firmasse a “segunda – e última – chance” do Homem sobre o planetinha azul, como hoje se concebe.

O plano B era reinicializar todas as essências terranas até que pudessem adquirir maneira mais civilizada e respeitosa de se portar para consigo e, em consequência, para com o Todo. Algo trabalhoso, lento e que iria na contramão da agenda Cósmica para a evolução referente à célula de extensão proposta para a humanidade.

Apesar de ainda verificarmos muitas demandas a serem trabalhadas no que se refere à frágil condição do Homem nesse Agora, e da existência de uma forma de guerra silenciosa ocorrendo em segundo plano, Gaia aproxima-se enfim do término do período estipulado pelos Mentores do Universo, com algum crédito. E sim, isso é bom! [sorriso]

O alcance da massa crítica atingida e coberta pelo Amor Universal de essências diversas, sobre o planeta, dentro dele e além dele fez e ainda faz uma qualidade de diferença sem precedentes. Vocês conseguiram chamar a atenção sobre seus assuntos de muitas civilizações desejosas de contribuir para sua evolução coletiva, e assim o é.

Muito trabalho foi realizado até aqui, muito mais ainda há por ser feito, mas seguimos todos envolvidos pelas melhores expectativas em torno do projeto Nova Terra, do qual o melhor de vocês está intimamente ligado, como devem saber. [sorriso]

Até àqueles de entendimentos mais endurecidos quanto à tal possibilidade, de planos mais elevados, estão sendo obrigados à rever seus posicionamentos por conta de cada luzinha que se ascende sobre Gaia – luzinhas como a de sua essência amorosa e propagadora de muita energia empática. [sorriso]

Àqueles terranos que ainda adormecem, pois não conseguiram rever seus próprios excessos devido ao comprometimento íntimo com a fisicalidade e suas extensões mais densas, e que os ligam de alguma forma à defesa e propagação da violência, da ganância, da seletividade desmedida e gratuita dos seres, esses serão conduzidos para portos onde seus padrões poderão ser adotados até que haja a depuração de tudo isso e elevação posterior. Assim é!

Queridos irmãos, sua família galáctica celebra o Agora e o por vir, saibam todos!

Brevemente poderão ouvir isso de nós e de muitos outros que aprenderam a amar o que vocês estão se tornando, através dos próprios méritos adquiridos em uma atmosfera de difícil trato. Mesmo àqueles que ainda não alcançaram o padrão que se estabelece dia a dia para a Nova Terra, tentaram e isso sempre terá valor e será levado em conta no balanço geral de todas as ocorrências. [sorriso]

Finalizamos lhes dizendo que o Novo só se faz através de engajamento, e de nenhuma outra forma. Caso contrário não seria o Novo e sim o velho mascarado, o que não interessa nessa fase.

Ocupem-se mais em viver suas melhores versões nesse Agora do que com datas.

Datas são importantes para algumas coisas, mas são suas atitudes reverberantes com o Amor Incondicional, a inclusão e o senso fraternal pelo coletivo o que lhes abrirá todas as portas de uma existência próspera sob todos os aspectos e realmente feliz sob todas as configurações compreensíveis por suas essências.

Que se cumpra! [sorriso]

Selamat Jalwa! (Esteja na alegria eterna!)

Amorosamente,

•AarayA

Compartilhe com Ética mantendo todos os créditos
Formatação – DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
https://www.decoracaoacoracao.blog.br/
https://lecocq.wordpress.com
Direitos Autorais: Dinnho Beduzupo – https://www.facebook.com/AmadasAlmas/
Grata Dinnho!

LUZ!
STELA

Anúncios