COMO VIVER EM CONSCIÊNCIA PURA

Aurora Ray & Federação Galáctica

20 de novembro de 2022

Vipassana (sânscrito: ‘ver na mente e no coração’) é uma antiga prática de meditação budista que busca a percepção da verdadeira natureza da realidade. É ensinado inteiramente a partir da observação e reflexão como um método para descobrir a libertação do sofrimento.

O objetivo da prática de vipassana é ver as coisas como elas realmente são, sem preferência ou apego. Baseia-se na teoria budista da percepção, segundo a qual toda experiência surge de nossa atividade mental.

O método de meditação pode ser aplicado a muitas áreas da vida, desde relacionamentos pessoais até o funcionamento da sociedade. A meditação Vipassana nos ensina a ver claramente, sem qualquer distorção ou hesitação, a natureza de nossas próprias mentes.

Quando aprendemos a observar nossos pensamentos e sentimentos com esse tipo de clareza, podemos descobrir que eles não estão realmente separados de nós ou independentes uns dos outros; eles surgem e desaparecem naturalmente, assim como na própria vida.

Com o tempo, você aprenderá a se desapegar de seus pensamentos e emoções para que eles não o perturbem ou o distraiam durante as sessões de meditação. Isso ajuda você a alcançar um estado de compostura que permite que você se concentre em suas experiências internas sem ser afastado por estímulos externos.

Se você deseja praticar a meditação vipassana, a primeira coisa a fazer é se sentir confortável. Sente-se em um lugar tranquilo, onde não seja incomodado por ninguém e onde haja espaço suficiente para você esticar as pernas. Certifique-se de que a temperatura do seu quarto não esteja nem muito quente nem muito fria, mas na medida certa.

Escolha um assento confortável que permita uma posição ereta com os dois pés apoiados no chão. Você pode sentar de pernas cruzadas se isso parecer mais natural para você, mas tente recostar-se em um ou dois travesseiros antes de tentar essa posição.

Se possível, escolha um horário em que não seja incomodado por ninguém por pelo menos 30 minutos ou mais (45 minutos é melhor).

O primeiro passo na prática da meditação vipassana é aprender a respirar profunda e lentamente.

O segundo passo é aprender a observar seus pensamentos conforme eles surgem em sua mente durante o dia. Isso pode ser feito sentando-se confortavelmente com os olhos fechados.

Quando você medita, você está no momento presente. Você não está pensando em mais nada e não tem nenhum julgamento ou expectativa sobre o que pode acontecer a seguir.

A mente é como um cavalo selvagem ou um incêndio violento. Se você tentar controlá-la, só vai piorar. Mas se você deixá-la ser, ela se estabelecerá em seu estado natural de repouso e calma.

Assim que um pensamento surgir em sua mente, observe-o surgir. Em seguida, deixe-o passar naturalmente observando, em vez de pensar nele ou tentar controlá-lo de qualquer maneira. Esse processo se torna mais fácil com a prática.

Depois de um tempo, quando estiver sentado para meditar, você notará que os pensamentos vêm e vão mais rapidamente do que antes. Você não precisa estar ciente de cada pensamento; apenas observe o que quer que apareça e deixe-o ir novamente.

Se você é novo na meditação Vipassana, não é incomum que pensamentos surjam em sua mente. Quando isso acontecer, apenas observe-os nascerem e desaparecerem naturalmente. Em seguida, tente este processo novamente.

Quando um pensamento surgir, observe-o surgir. Em seguida, obeserve, em vez de pensar nele ou tentar controlá-lo de qualquer maneira. Esse processo se torna mais fácil com a prática.

À medida que sua atenção plena se fortalece, os pensamentos se tornam mais facilmente observados e absorvidos em sua consciência sem nenhum esforço de sua parte.

O terceiro passo é observar seus sentimentos.
Quando você perceber um sentimento, como raiva ou tristeza, observe-o e deixe-o ir.

Isso pode parecer fácil, mas pode ser surpreendentemente desafiador no começo. Você não está tentando mudar seus sentimentos; você está simplesmente observando-os surgir e passando por eles.

Depois de perceber que está se sentindo de uma certa maneira, trabalhe para reconhecer a emoção em si – não seu conteúdo (sobre o assunto), mas sua forma (sua forma). Por exemplo, “estou com raiva” pode ser traduzido como “estou com raiva”. Depois de ver isso, podemos começar a observar nossas emoções mais de perto e ver o que elas nos dizem sobre nós mesmos: o que precisa mudar e o que precisa ser fortalecido?

Quando você ultrapassa essas três coisas (primeira respiração, segundo pensamento e terceiro sentimento), tudo o que resta é sua consciência pura!

Em sua essência, a meditação Vipassana é abrir mão de todo controle e expectativas. Ao limpar sua mente de pensamentos e sentimentos, você aceita que a única coisa neste momento é sua consciência pura. E então tudo o que surge — emoções, desejos e pensamentos — também é aceito. Não há nada a fazer a não ser observá-los ir e vir até que desapareçam completamente, deixando você em um estado de pura consciência.

Pode ser desafiador no início (porque os pensamentos e emoções lutarão para “existir”), mas conforme você praticar com o tempo, ficará mais fácil – o tumulto desaparecerá mais rapidamente. E esses poucos momentos de meditação podem deixá-lo relaxado, descansado e calmo durante todo o dia.

Você pode praticar meditação vipassana em qualquer lugar, a qualquer hora. Você pode encontrar um lugar tranquilo em sua casa ou em um parque, ou sentar-se bem em frente ao computador. Não importa onde você pratica meditação.

A meditação é uma parte importante da vida consciente, aprendendo a reconhecer e observar nossos sentimentos à medida que surgem e desaparecem. E é fácil aprender a meditar quando isso se torna uma segunda natureza – quando acontece naturalmente e sem esforço.

Nós te amamos muito.
Estamos aqui com você.
Somos sua família de luz.
Nós somos a Federação Galáctica.

A’HO

Aurora Ray
Embaixadora da Federação Galáctica

Compartilhe mantendo todos os créditos
Formatação e tradução – DE CORAÇÃO A CORAÇÃO
http://www.decoracaoacoracao.blog.br/
http://stelalecocq.blogspot.com
https://lecocq.wordpress.com
Livro “Mensagens dos Mestres – De Coração a Coração”
http://mensagensdosmestres.blogspot.com/
Instagram – @blogdecoracaoacoracao
Informações e Agendamentos para Mesa Quântica Estelar, Mesa Pet, Mesa Quântica 2.0, Sistema Regenerador Ashtariano, Apometria Cósmica e Dinâmica, Mesa Hologramas de Auto Cura Arcturiana- lecocqmuller@gmail.com
Direitos autorais 2022 Aurora Ray – https://thegalacticfederation.com/

Adoro este vídeo abaixo. Ele mostra como os pensamentos (moscas) podem nos tirar do centro, principalmente quando lutamos contra eles em uma meditação. Mas, quando apenas observamos e deixamos ir, entramos na dimensão da Mente Superior, do Eu Superior. Com a prática fica fácil entrar neste estado de Luz e Paz.

LUZ!
STELA

Publicidade